Virtudes Frugais

O que significa ser realmente frugal?

É mais do que só poupar dinheiro. De várias formas, ser frugal é um estilo de vida. É uma virtude também se você se comprometer.

Para abraçar uma frugalidade você precisa seguir uma filosofia baseada em simplicidade, disciplina e um conhecimento sobre você e sobre o mundo a sua volta.

Aqui vão algumas virtudes frugais. Quantas você consegue adotar?

1. Sufocar gratificação instantânea

Você compra um expresso de R$6,00 porque você acha que precisa de cafeína imediatamente. Você compra um novo carro porque ele é estiloso e você não pode esperar para tê-lo. Você é o primeiro a ter o iphone de última geração e definitivamente precisa ver o próximo Guerra nas Estrelas na noite de estréia. Você não é o tipo de pessoa que gosta de esperar pelas coisas. Infelizmente, para você, quando o assunto é gastar, paciência é uma virtude. Novos produtos são, em sua grande maioria, mais baratos quando você esperar para comprá-los. E quando você espera para comprar algumas coisas, você percebe que na verdade não precisava daquilo na verdade. Gastar para satisfazer cada urgência imediata não é o caminho para a liberdade financeira.

2. Buscam eficiência

Ser eficiente é ter o máximo de produtividade com o menor esforço e gasto. Este conceito de eficiência pode ser aplicado a um número de áreas da educação financeira. Pode significar dirigir um carro na velocidade em que o seu consumo é menor. Pode significar investir seu dinheiro para que você possa gerar receita com pouco esforço. Pode significar gastar pouco tempo planejando as refeições da semana para que você não desperdice dinheiro depois.

3. Ignoram as propagandas

Quando você assiste TV ou navega pela internet, você é bombardeado por anúncios de empresas que querem parte de seu dinheiro. Profissionais do marketing são especialistas em manipular as emoções das pessoas, convencendo elas de que elas precisam de um produto ou serviço. Pessoas frugais não se deixam levar por comerciais e anúncios. Eles não pulam quando vêem um anúncio em seu e-mail ou no anúncio de facebook, eles sabem quando algo é exagerado ou não. Quando eles compram, eles são motivados por suas próprias necessidades  e não são levados pelas influências externas.

4. Ignoram o que é popular

Então todos que você conhecem tem uma grande quantidade de roupas de marca. Eles tem os smartphones mais atuais. Eles tem óculos de sol maravilhosos e jantam em restaurantes da moda. Uma pessoa frugal ignora isso, e evita tomar decisões baseadas no que é popular ou legal.

5. Evitam armadilhas financeiras

Armadilha financeira, é algo que, na superfície, parece um ótimo negócio mas é mais propenso a lhe prejudicar no longo prazo. Taxas de financiamento ajustáveis, empréstimos pessoais, financiamento de carros são usualmente armadilhas pelo seu potencial de dano a vida financeira de uma pessoa se ela não tiver cuidado. Uma pessoa frugal entende o potencial de cilada de cada decisão financeira que ela toma e fica longe destas armadilhas.

6. Abraçam a economia colaborativa

Você e seu vizinho precisam levar os filhos para ir ao parque em carros separados? Porque não levarem juntos os filhos em um carro? Isso é mais econômico e você ainda socializa com seu vizinho e seu filho também socializa com o filho do vizinho. Você tem um quarto sobrando em sua casa que poderia alugar para o Airbnd? O aluguel deste quarto pode lhe ajudar com os custos fixos do imóvel e ainda pode sobrar dinheiro. A economia colaborativa parte do princípio de que não precisamos “ter” coisas mas somente utilizá-las quando precisarmos. Quando reduzimos o que temos, podemos poupar dinheiro, desordem, tempo e ainda sanidade.

7. Ficam informados

Há motivos para as ações subirem e descerem. Há motivos para que os preços de produtos flutuem. Há motivos para você pagar mais por seu imóvel do que seus pais pagaram. Quando você entende como os mercados e a economia funcionam e presta atenção às noticias e eventos mundiais, você está em uma posição para tomar decisões inteligentes. As pessoais mais frugais não só evitam gastar, eles também tomam decisões baseadas em informações quando o assunto é seu dinheiro.

8. Entendem de valor

O conceito de valor é um pouco nebuloso, mas todos nós já ouvimos o termo “preço é diferente de valor”. Na essência, tirar o máximo de cada real que você gasta. Não significa necessariamente comprar o mais barato sempre. Significa evitar luxo quando o luxo não é necessário. E significa levar em consideração a durabilidade geral das coisas e a sua qualidade quando vamos comprá-los.

 

O que você faz na sua vida para ser frugal?

Se você deseja saber mais sobre frugalidade, comece preenchendo este formulário clicando aqui! Você saberá qual seu perfil financeira e assim estará mais apto para atingir a frugalidade em sua plenitude.

Descubra seu perfil Financeiro

Gabriel Pozzetti

Gabriel Pozzetti é investidor desde 2006 e trader, certificado ANCORD, CPA-20 e PQO Mesa. Se aprimorou nos Estados Unidos e hoje tem como missão ensinar pessoas a proteger seu dinheiro e encontrarem investimentos de alta rentabilidade e ajuda investidores ambiciosos a terem sucesso.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *